E se não houvessem dias maus?


Talvez não existissem lágrimas, e não regaríamos com elas as nossas esperanças de dias melhores.

Talvez a dor não existisse ou fosse irrelevante diante das alegrias dos eternos bons momentos de uma vida perfeita.

Não haveriam perdedores, esquecidos, pobres, desesperançosos, rejeitados, mal-amados, miseráveis ou esfomeados. Tudo seria paz e "guerra" não passaria de uma palavra obsoleta e sem significado algum.

Se não houvessem dias maus, o bom ânimo seria desnecessário, pois todo obstáculo já estaria vencido, antes mesmo de existir.

Talvez não haveriam crianças sujas e famintas esparramadas pelas ruas, que por sua vez não teriam engarrafamentos, pedintes, acidentes ou buracos no asfalto quente.

Se não houvessem dias maus, a fé seria inútil; o amor, banal; a esperança, desnecessária; e o valor do pensamento seria zero.

A graça de viver os maus dias é esperar pelo próximo sol. Deixar rolar a lágrima que contém o imperceptível grão da fé necessária para prosseguir.

Se temos que passar por aflições, façamos isto com bom ânimo (João 16:33), pois se não houvessem dias maus, nenhuma alegria teria sabor, e nenhuma vitória seria festejada; a tristeza não existiria e nossa esperança de um dia ter dos olhos toda lágrima exugada sequer existiria.

"Muito obrigado pelos dias maus, Senhor."


by GG

18 comentários:

sorabisco 17 de março de 2010 15:03  

Não poderia ter vindo em melhor hora, GG!
Valeu mesmo!

GG 17 de março de 2010 15:12  

Só pra constar, sim, eu estou vivendo dias maus - e quem não está?

Evang_Felipe 17 de março de 2010 15:13  

Urraaaaaaaaaa
Este foi o melhor texto que li aqui no T7
cara do estilo que eu gosto..
Agradeço pelo previlegio de ter a oportunidade de ler textos tão profundos e raros nos dias de hoje.

Evang_Felipe

Will 17 de março de 2010 15:33  

Sim, os dias maus são dias de exaltação. dias produtivos. Reconhecemos nossa fragilidade, descobrimo-nos muito mais do que aquilo que pensávamos ser.

Deus nos abençoe!

Anônimo 17 de março de 2010 15:34  

"Se dias maus não existissem, Deus não precisaria ser Deus."

Muito bom esse texto.

Deia Bertoldi 17 de março de 2010 15:36  

Nos momentos de tristeza que valorizamos as alegrias pequeninas da vida!

Eh no deserto que vemos a face de Deus... Jesus ficou no deserto, Moises passou pelo deserto, Elias "viveu" no deserto!

O bom Cristão, como Paulo, sabe agradecer os dias maus e aproveitar os dias de sol, sem perder sua alegria e esperança na vinda do Filho de Deus!

Belo texto, amado... que o Pai derrame do Seu balsamo sobre os corações quebrantados de todos Seus filhos!


Abs...! A paz!

Lysts29 17 de março de 2010 15:40  

Ainda bem que tem os dias maus, pois viu no que deu só ter tido dias bons lá no éden....rsss????
ótimo texto.
Ly.

Rick Serrat 17 de março de 2010 15:52  

gostei. dias maus.... kkkkk vou ri deles, são tantos.... boa meu gordão!!!! é noix! ainda chegara o dia da prosperidade(#piadinhaInterna mode ON)

Manoel Lopes 17 de março de 2010 16:06  

BACANA O TEXTO

MANOEL LOPES
http://manoel-lopes.blogspot.com/

porele 17 de março de 2010 16:14  

Parabéns mano! Mais um belo texto!

Tá inspirado em rapaz?!?

fica com Ele

Julião 17 de março de 2010 16:14  

Chorei!

Anarly Schmidel 17 de março de 2010 16:31  

...E digo -lhe mais GG , se não houvesse o tempo ruim como saberiamos quando o tempo é bom? É depois da tempestade que vem bonanza não é????
bjsssssssssssssssss

Kely 17 de março de 2010 17:39  

"Quanto mais difícil uma luta, maior o sabor da sua vitória!"

Tiago 17 de março de 2010 18:06  

Concordo Kelly, sem luta, não existe vitória. Um texto bacana, gosto do estilo.

Samuel Varela 17 de março de 2010 22:35  

Com toda certeza é preciso esses dias maus para descobrirmos o amor que Deus tem por nós.
Assim como Jó teve que passar, não por apenas um dia mau, mas por um dia terrível, para só assim conhecer realmente a Deus. E no final ser abençoado.
Assim como um personagem de videogame tem que passar por batalhas para adquirir pontos de experiência, assim o cristão deve passar por essas batalha para também conseguir mais experiência com Deus.

Isaque ' 18 de março de 2010 00:41  

Não gosto da idéia de querer compensar os dias maus com palavras bonitas.
Se não houvessem dias maus simplesmente a vida seria boa, assim como era no Éden e assim como será no céu.

Agora, dias maus são irreversíveis, acontecem, sempre irão acontecer, Deus sempre estará do nosso lado, mais não podemos categorizar-los e pensarmos que se eles não existissem seria ruim. Se não existisse dias maus, a esperança, fé etc não seriam relevantes, assim como não serão no céu.


A paz!

Julião 18 de março de 2010 06:31  

O cara aí de cima escreveu exatamente o que está no texto, mas dizendo que não deve compensar maus dias com palavras bonitas... è cada um que comenta aqui, viu!

É isso aí GG belo texto. parabens!

Celso 18 de março de 2010 17:10  

oh...glória......
Obrigado pelo GG SENHOR...rsrsrs

Postar um comentário

BLOG BOOKS!

Onde é que tá?

Divulgue-nos

T-7

Territorianos

Facebook

Comparsas

Siga-nos no Twitter

ImageHost.org
BlogBlogs.Com.Br